InícioCompetiçõesAtualizando 13 Campeonatos Estaduais de 2020.

Atualizando 13 Campeonatos Estaduais de 2020.

Campeonatos Estaduais 2020.
Nesta semana de fevereiro já completamos 30 dias de início dos campeonatos estaduais 2020, pelo menos para boa parte dos Estados. Há mais de 15 anos, mais precisamente em 2003, quando o campeonato brasileiro passou a ser por pontos corridos, os estaduais ficaram com um pedaço bem pequeno do calendário, entre janeiro e abril, como nos últimos anos.
Já são quase 120 anos de campeonatos estaduais – o primeiro em 1902 em São Paulo – e já foi o tempo em que eram a “cereja do bolo” com grandes rivalidades locais, meses e meses de duração e o apelo das torcidas pelo campeão.
Atualmente, sofrem com os clubes colocando times mistos para disputar as etapas iniciais e/ou fase de grupos.
Também com o retorno das Copas Regionais, no Nordeste e a Copa Verde (que em 2019 foi disputada a partir de julho), e também a maior importância que os clubes brasileiros passaram a dar à Libertadores e a Copa Sul-Americana, competições que hoje tem boa quantidade de clubes participando.

Enfim qual será o destino dos Estaduais ? Pela estrutura política da CBF – que tem seus afiliados (as Federações de cada Unidade Federativa) como seus “eleitores” ? Seria pelo não apelo mais das torcidas ? E no caso devemos observar que se em alguns Estaduais, os mais tradicionais e mais fortes, poderia-se imaginar em serem mais reduzidos ou até extintos; o mesmo não aconteceria com muito mais da metade dos Estaduais, pois são apenas esta competição que existe nos calendários deles, que não chegam a ter clubes na 3ª.divisão nacional, e muito menos na 2ª. e 1ª. divisão do brasileiro.

A questão seria os dirigentes perceberem que os Estaduais devem ser vistos de forma diferenciada, por tudo que representa na história do futebol brasileiro. Que tal imaginarmos que de início não poderiam “ficarem todos restritos” dentro deste período janeiro/abril. E como temos sempre nos posicionado, o SiteFUTEBOL defende um calendário FIFA e Europeu. Distribuir as competições (todas) ao longo de 12 meses entre agosto e maio do ano seguinte. Ainda não chegamos a isso.

2020
Então agora em fevereiro já temos XX estaduais em andamento, e alguns deles já decidindo turno e vaga para decisão, como no Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, com regulamentos iguais.

No Rio, após 6 rodadas de um grupo contra o outro, Boavista e Flamengo pelo Grupo A e Fluminense e Volta Redonda pelo Grupo B foram para as semifinais do 1º.turno (Taça Guanabara) e já tivemos neste meio de semana Fluminense 2×3 Flamengo, garantindo o time rubro-negro na decisão. Boavista e Volta Redonda jogam no fim de semana. No 2º.turno, serão 5 rodadas em cada grupo, os 2 melhores vão para as semifinais e depois a decisão do 2º.turno (Taça Rio de Janeiro). Não sendo o mesmo vencedor, a decisão do campeonato em dois jogos.

No sul, no gaúcho, o 1º.turno teve 5 rodadas dentro dos grupos, com 6 participantes cada, e agora jogam as semifinais com Caxias x Ypiranga e Internacional x Grêmio, e depois a decisão do 1º.turno. No 2º.turno, 6 rodadas de um grupo contra o outro, semifinais e decisão do returno. Depois a decisão do campeonato.

Em São Paulo, são 16 participantes divididos em 3 grupos com 4 times cada e jogarão 12 rodadas, enfrentando os participantes dos outros 3 grupos. Os 2 melhores seguem para as Quartas de Finais, semifinais e decisão. Em 5 rodadas, o Santos lidera o Grupo A com 10 pontos, no grupo B estão na frente Santo André e Palmeiras, no Grupo C, Inter Limeira e Mirassol com 8 pontos e São Paulo com 7 pontos; e no Grupo D, Guarani com 8 e Corinthians com 1 ponto a menos. Esta primeira fase vai até dia 1º. de abril, na 12ª.rodada.

Diferente dos últimos anos, no Paraná, são 12 participantes que jogarão 11 rodadas, com os 8 melhores seguindo para as Quartas de Finais, as semifinais e a decisão. Já foram 6 rodadas, com Cascavel-FC liderando com 15 pontos e depois Coritiba (14), Operário (13) e Rio Branco (11), os primeiros. E ainda Atlético, Londrina, Cianorte e Paraná. Depois União-FB, Toledo-FC, Cascavel-CR e PSTC. Esta fase terminará em 15/3 com a 11ª.rodada.

Em Santa Catarina também mudou a disputa, que nos anos anteriores estava sendo em turno/returno dos 10 participantes. Agora serão apenas 9 rodadas, os 8 primeiros indo para Quartas, Semifinais e Decisão. Após 5 rodadas, estão liderando Figueirense, Brusque e Marcílio Dias todos com 10 pontos. Os 2 últimos são Chapecoense e Concórdia-AC. Em 15/3 termina esta fase com a 9ª. rodada.

Já com o mesmo sistema de disputa, na Bahia este ano com 10 participantes, jogarão 9 rodadas entre si, e apenas os 4 primeiros seguem para as semifinais. Os primeiros colocados em 4 rodadas s/ao: Bahia, Atlético, Vitória e Jacuipense. A rodada final acontece em 29/3, lembrando que está em disputa a Copa do Nordeste, ocupando datas até nos fins de semana.

No Ceará, são 8 participantes na primeira fase de 7 rodadas que teve Guarany Sobral (15), Barbalha (14), Ferroviário (12), Atlético Cearense (8), Caucaia (8) e Pacajus (7) os classificados para juntarem-se a Ceará e Fortaleza, para novamente fazerem 7 rodadas e os 4 primeiros seguirem para as semifinais e depois a decisão. Interessante que Caucaia e Pacajus, estreantes na 1ª.divisão conseguiram passar da primeira fase.

Como nos últimos anos, serão 10 participantes em 9 rodadas no campeonato pernambucano, para os 6 primeiros seguirem no campeonato. Estamos com jogos da 4ª. e 5ª.rodadas, liderando o Santa Cruz (12), Náutico (11) e Afogados (9), depois Salgueiro, Sport, Retro (veio da 2ª.divisão, sua estréia na 1ª.divisão). A última rodada desta fase será em 25/3, também com clubes na Copa do Nordeste.

Com um regulamento “estranho” igual ao ano passado, em Goiás são 12 participantes que jogam 12 rodadas – porque para efeito da tabela estão divididos em dois grupos com 6 participantes – mas a classificação geral de todas as rodadas classificam os 4 primeiros colocados. Assim o Jaraguá, estreante em 1ª.divisão, campeão da 2ª.divisão de 2019, vai liderando com 15 pontos em 5 rodadas. Depois temos Atlético, Goiás e Goianésia. Já Vila Nova e Goiânia estão mais atrás, mas ainda com 6 rodadas por disputar.

No Distrito Federal logo de início destacamos muitos gols em 4 rodadas, com goleadas de 5×2, 5×0, 4×0 e até 8×0. São 12 participantes que jogarão 11 rodadas, e os 8 primeiros seguem para as Quartas. Um coincidência é que Ceilândia e Ceilandense estão com 4 derrotas e sofrendo goleadas, nas últimas colocações. Gama e Brasiliense estão entre os primeiros, enquanto Sobradinho e Taguatinga mais no meio da tabela. O Brasília está na 2ª.divisão.

Também no Mato Grosso os gols estão saindo com placares de 3×2 e 4×3, e nesta última rodada a goleada do Operário-VG no clássico contra o Mixto, por 4×0. A rodada final desta fase acontece em 15/3, 9 rodadas para os 10 participantes. Cuiabá, União e Operário-VG vão seguindo nas primeiras colocações em 4 rodadas.

No Espírito Santo, o atual campeão Vitória venceu nas 3 rodadas realizadas, inclusive no clássico contra a Desportiva. Serão 9 rodadas para os 10 participantes, com os 8 primeiros seguindo para as Quartas. A última rodada acontece no dia 14/3.

Outro campeão de 2019, o Águia Negra, também venceu seus 3 jogos no sul-matogrossense e lidera a primeira fase que terá 9 rodadas para seus 10 participantes, e os 8 primeiros passando para as quartas. O clássico Operário x Comercial vai ser disputado no sábado de carnaval e a fase termina no dia 15/3.

FOTO: bol.com

Post Anterior
Pré-Olímpico 2020, história, Argentina campeã e junto com o Brasil nas Olimpíadas.
Próximo Post
Supercopa do Brasil 2020, Flamengo campeão, e sua breve história.

Sem Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.