InícioCompetiçõesRECOPA da América 2020, Flamengo campeão e a história da competição.

RECOPA da América 2020, Flamengo campeão e a história da competição.

RECOPA SUL-AMERICANA
Esta competição surgiu há 31 anos para que os campeões da Libertadores (desde 1960) e da Supercopa da América (desde 1988, com somente participantes que haviam conquistado a Libertadores) definissem um campeão do continente.
Diferente do que acontece na Europa, lá tivemos a Copa dos Campeões (desde 1955), a Copa da UEFA (desde de 1960 e que atualmente é a Europe League) e a RECOPA (entre 1961 e 1999, disputada por clubes que eram os campeões em seus países, da Copa Nacional). Então, a partir de 1972, a Supercopa da Europa disputada entre os campeões da Copa dos Campeões e da RECOPA, mas que a partir seria entre a Copa dos Campeões e a Copa da UEFA (e desde 2010 como Europe League).

Aqui na América do Sul, a Supercopa foi uma competição com vários participantes, que depois passou a ser a Mercosul e Merconorte – entre 1998 e 2001, e atualmente é a Copa Sul-Americana. A RECOPA então fazia o “papel” da Supercopa da Europa, e decisão direta de dois campeões de outras competições.

Em sua história teve muitos fatos interessantes e sistema de disputas diferentes. Entre 1989 e 1998, ás vezes eram duas partidas, as vezes em confronto único. Também em 1991, com o Olímpia sendo o campeão sem jogar, pois na prática não houve disputa pois o time paraguaio havia conquistado a Libertadores e a Supercopa. Em 1994, o mesmo aconteceria com o São Paulo, porém como em 1992 havia sido criada a Copa Conmebol e o Botafogo como campeão desta competição seria o “convidado” para a disputa com o São Paulo.

Ainda em 1993, a 1ª.partida entre São Paulo x Cruzeiro foi uma partida do campeonato brasileiro, por falta de datas, definindo a 2ª.partida o título. O título de 1998 foi disputado somente em agosto de 1999, entre Cruzeiro x River Plate. As edições de 1999 a 2002 não aconteceram, pois foi o período da Mercosul e Merconorte.
Retorna em 2003 e também em 2004 foram duas edições com partida única, ambas disputadas nos Estados Unidos.
Desde 2005 é disputada em dois jogos, porém em épocas diferentes do calendário. A edição de 2020 foi apenas a 3ª.vez em que os jogos aconteceram em fevereiro do ano seguinte em relação as conquistas da Libertadores e Copa Sul-Americana. Por outras 3 vezes aconteceu nos meses de Maio, Julho e Setembro, e por 4 vezes em Agosto.

Em abril de 2017 a decisão aconteceu de forma histórica e com muita emoção, pois Atl.Nacional x Chapecoense jogaram após o trágico acidente ocorrido 6 meses antes, com o time brasileiro tendo sido campeão da Copa Sul-Americana por abdicação do time colombiano.

Em 2020, o Flamengo em grande fase, com seu excelente elenco, técnico, e jogando um bom futebol conquista no Maracanã, diante de 70 mil pessoas, seu 1º.título da competição, após o 2×2 em Quito, um placar de 3×0 construído com 1 jogador a menos. São 11 conquistas brasileiras em 28 edições, com 3 decisões entre clubes do Brasil.

Todos os Campeões
1989 Nacional-U (1) – Racing (-)
1990 Boca Juniors (1) – Atl.Nacional (-)
1991 Olímpia (venceu dois torneios)
1992 Colo-Colo (1) – Cruzeiro (-)
1993 São Paulo (1) – Cruzeiro (-)
1994 São Paulo (2) – Botafogo (-)
1995 Independiente (1) – Velez Sarsfield (-)
1996 Grêmio (1) – Independiente (1)
1997 Velez Sarsfield (1) – River Plate (-)
1998 Cruzeiro (1) – River Plate (-)
1999 –
2000 –
2001 –
2002 –
2003 Olímpia (2) – San Lorenzo (-)
2004 Cienciano (1) – Boca Juniors (1)
2005 Boca Juniors (2) – Once Caldas (-)
2006 Boca Juniors (3) – São Paulo (2)
2007 Internacional (1) – Pachuca (-)
2008 Boca Juniors (4) – Arsenal (-)
2009 LDU Quito (1) – Internacional (1)
2010 LDU Quito (2| – Estudiantes (-)
2011 Internacional (2) – Independiente (-)
2012 Santos (1) – Univ.Chile (-)
2013 Corinthians (1) – São Paulo (2)
2014 Atlético-MG (1) – Lanús (-)
2015 River Plate (1) – San Lorenzo (-)
2016 River Plate (2) – Indep.Santa Fé (-)
2017 Atl.Nacional (1) – Chapecoense (-)
2018 Grêmio (1) – Independiente (1)
2019 River Plate (3) – Atlético-PR (-)
2020 Flamengo (1) – Indep.Del Valle (-)

RECOPA SUL-AMERICANA
Decisão
19.fevereiro.2020.quarta
Est.Olimpico Atahualpa, Quito-EQU
Indep.Del Valle-EQU 2×2 Flamengo-BRA
Gols: Murilo 20, Bruno Henrique (Fla) 65, Pedro (Fla) 85 e Pellerano (P) 90+1.
26.fevereiro.2020.quarta
Est.Maracanã, Rio de Janeiro-BRA
Flamengo-BRA 3×0 Indep.Del Valle-EQUA
Gols: Gabriel Barbosa 19 e Gerson 62 e 89.

CONQUISTAS: Boca Juniors (4), River Plate (3), Internacional (2), LDU Quito (2), Olímpia (2), São Paulo (2), Flamengo (1), Atl.Nacional (1), Grêmio (1), Atlético-MG (1), Corinthians (1), Santos (1), Cienciano (1), Cruzeiro (1), Velez Sarsfield (1), Grêmio (1), Independiente (1), Colo-Colo (1) e Nacional-U (1).

FOTO: bnews.com

Post Anterior
Copa do Nordeste 2020 - uma breve história e a fase de grupos.
Próximo Post
Atualizando futebol europeu 19/20 - competições nacionais.

Sem Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.