InícioAtualidadesVila Nova-GO e Mirassol-SP, campeões brasileiros 2020 – CB3 e CB4.

Vila Nova-GO e Mirassol-SP, campeões brasileiros 2020 – CB3 e CB4.

Campeões Brasileiros 2020, 3a. e 4a.divisões.
Depois que o calendário foi estendido por causa da pandemia, agora nas últimas semanas tivemos as definições dos campeões brasileiros da 3ª. e 4ª.divisões, e os clubes que alcançaram acessos e aqueles que foram rebaixados.
Agora estamos há 4 rodadas para ter o campeão brasileiro da 1ª.divisão, os 4 rebaixados e as vagas para a Libertadores e Sul-Americana, que logo começam.

O Mirassol-SP foi o campeão da 4ª.divisão, em sua 12ª.edição, com 12 campeões diferentes e 12 vices diferentes. Nenhum clube chegou a decisão mais de uma vez, e dos 47 clubes que subiram para a 3ª.divisão, somente o Tupi-MG teve dois acessos, como campeão em 2011 e na 3ª.colocação em 2013. Um caso atípico aconteceu em 2010 quando o América-AM chegou a decisão contra o Guarany Sobral-CE tornando-se vice. Posteriormente foi punido pela Federação por ter escalado jogador em situação irregular no confronto contra o Joinville-SC nas Quartas de Finais. O próprio Joinville-SC foi o 5º.colocado e garantiu acesso para a 3ª.divisão de 2011.

Destes 47 clubes que subiram para a 3ª.divisão, 4 deles (Chapecoense-SC, Joinville-SC, Santa Cruz-PE e CSA-AL) alcançaram em algum momento a 1ª.divisão do Brasileiro. Nesta temporada mais 2 clubes (Cuiabá-MT e Juventude-RS) também acabam de ir para a 1ª.divisão.

CAMPEONATO BRASILEIRO – 4ª.divisão
Campeões e vices:
2009 São Raimundo-PA (1) – Macaé-RJ (-)
2010 Guarany Sobral-CE (1) – América-AM (-)
2011 Tupi-MG (1) – Santa Cruz-PE (-)
2012 Sampaio Corrêa-MA (1) – CRAC-GO (-)
2013 Botafogo-PB (1) – Juventude-RS (-)
2014 Tombense-MG (1) – Brasil-RS (-)
2015 Botafogo-SP (1) – River-PI (-)
2016 Volta Redonda-RJ (1) – CSA-AL (-)
2017 Operário-PR (1) – Globo-RN (-)
2018 Ferroviário-CE (1) – Treze-PB (-)
2019 Brusque-SC (1) – Manaus-AM (-)
2020 Mirassol-SP (1) – Floresta-CE (-)

ACESSOS da 4ª. para a 3ª.divisão.
2009 São Raimundo-PA, Macaé-RJ, Chapecoense-SC e Alecrim-RN.
2010 Guarany Sobral-CE, Madureira-RJ, Araguaína-TO e Joinville-SC.
2011 Tupi-MG, Santa Cruz-PE, Cuiabá-MT e Oeste-SP.
2012 Sampaio Corrêa-MA, CRAC-GO, Baraúnas-RN e Mogi Mirim-SP
2013 Botafogo-PB, Juventude-RS, Tupi-MG e Salgueiro-PE.
2014 Tombense-MG, Brasil-RS, Londrina-PR e Confiança-SE.
2015 Botafogo-SP, River-PI, Remo-PA e Ypiranga-RS.
2016 Volta Redonda-RJ, CSA-AL, São Bento-SP e Moto Clube-MA.
2017 Operário-PR, Globo-RN, Atlético-AC e Juazeirense-BA.
2018 Ferroviário-CE, Treze-PB, São José-RS e Imperatriz-MA.
2019 Brusque-SC, Manaus-AM, Ituano-SP e Jacuipense-BA.
2020 Mirassol-SP, Floresta-CE, Novorizontino-GR e Altos-PI.

Principais Artilheiros
2009 – Michel (São Raimundo-PA) 10
2010 – Danilo Pitbull (Guarany Sobral) 11
2011 – Fernando (Cuiabá) 11 e Marcinho (Oeste) 11
2012 – Nino Guerreiro (CRAC-GO) 13
2013 – Ademílson (Tupi-MG) 12
2014 – Nena (Brasil-RS) 8
2015 – Jô (São Caetano-SP) 12
2016 – Manoel (Picos-PI) 10
2017 – Weverton (Princesa-AM) 9 e Eduardo (Atlético-AC) 9
2018 – Edson Cariús (Ferroviário-CE) 10
2019 – Junior Pirambu (Brusque-SC) 10
2020 – Zé Love (Brasiliense-DF) 13

Indo para a 3ª.divisão do Brasileiro em 2020, também em sua 12ª.edição com 20 participantes, o Vila Nova-GO surpreendeu de certa forma alguns supostos favoritos como Santa Cruz-PE, Brusque-SC e Londrina-PR e venceu as duas partidas da decisão contra o Remo-PA, e juntamente com Brusque-SC e Londrina-PR conseguiram acesso à 2ª.divisão do brasileiro de 2021. E neste caso com Vila Nova-GO e Londrina-PR retornando pois haviam sido rebaixados da 2ª.divisão em 2019.

A história da 3ª.divisão começou em 1981 de forma isolada e depois em 1988, 1990 e 1992. Na seqüência foi de 1994 até 2008 sempre com muitos participantes (exceto 2000 com a Copa João Havelange, foi equivalente aos módulos verde-branco). A partir de 2009 passaria a ter 20 participantes.

Neste formado dos últimos anos, o Vila Nova-GO conquista seu 2º.título (2015-2020) além de ter subido também em 2013 como 4º.colocado. Iguala-se ao Sampaio Corrêa-MA que também já subiu 3 vezes neste período, uma vez como vice em 2019. Também é a 2ª.vez que Vila Nova-GO e Londrina-PR sobem entre os 4 clubes, este ano de 2020 e em 2015 quando decidiram o título.
Não tiveram final feliz o Treze-PB, São Bento-SP (que havia caído em 2019 da 2ª.divisão), Boa Esporte-MG e Imperatriz-MA que vão para a 4ª.divisão de 2021.

Depois de 12 anos neste formado de fase de grupos e decisão, é até possível imaginarmos nos próximos anos que a 3ª.divisão possa adotar o sistema de pontos corridos.

CAMPEONATO BRASILEIRO – 3ª.divisão
Campeões e vices – Com 20 participantes
2009 América-MG (1) – Arapiraca-AL (-)
2010 ABC-RN (1) – Ituiutaba-MG (-)
2011 Joinville-SC (1) – CRB-AL (-)
2012 Oeste-SP (1) – Icasa-CE (-)
2013 Santa Cruz-PE (1) – Sampaio Corrêa-MA (1)
2014 Macaé-RJ (1) – Paysandu-PA (-)
2015 Vila Nova-GO (2) – Londrina-PR (-)
2016 Boa Esporte-MG (1) – Guarani-SP (-)
2017 CSA-AL (1) – Fortaleza-CE (-)
2018 Operário-PR (1) – Cuiabá-MT (-)
2019 Náutico-PE (1) e Sampaio Corrêa-MA (1)
2020 Vila Nova-GO (3) – Remo-PA (1)

ACESSOS da 3ª. para a 2ª.divisão.
2009 América-MG, Arapiraca-AL, Icasa-CE e Guaratinguetá-SP
2010 ABC-RN, Ituiutaba-MG, Criciúma-SC e Salgueiro-PE
2011 Joinville-SC, CRB-AL, Ipatinga-MG e América-RN
2012 Oeste-SP, Icasa-CE, Chapecoense-SC e Paysandu-PA
2013 Santa Cruz-PE, Sampaio Corrêa-MA, Luverdense-MT e Vila Nova-GO
2014 Macaé-RJ, Paysandu-PA, Mogi Mirim-SP e CRB-AL
2015 Vila Nova-GO, Londrina-PR, Tupi-MG e Brasil-RS
2016 Boa Esporte-MG, Guarani-SP, ABC-RN e Juventude-RS
2017 CSA-AL, Fortaleza-CE, São Bento-SP e Sampaio Corrêa-MA
2018 Operário-PR, Cuiabá-MT, Botafogo-SP e Bragantino-SP
2019 Náutico-PE, Sampaio Corrêa-MA, Juventude-RS e Confiança-SE
2020 Vila Nova-GO, Remo-PA, Londrina-PR e Brusque-SC

Principais Artilheiros
2008 – Marcão (Atlético-GO) 25
2009 – Nena (Arapiraca) 8
2010 – Bruno Rangel (Paysandu) 8
2011 – Ronaldo Capixaba (Joinville) 11
2012 – Denis Marques (Santa Cruz-PE) 11
2013 – Assisinho (Fortaleza) 12
2014 – Ytalo (Guaratinguetá-SP) 11
2015 – Guilherme Queiroz (Port.Desportos) 12
2016 – Jones Carioca (ABC) 12
2017 – Rafael Grampola (Joinville) 13
2018 – Caio Dantas (Botafogo-SP) 11
2019 – Negueba (Globo-RN) 8
2020 – Thiago Alagoano (Brusque-SC) 12

FOTO: globoesporte.com

Post Anterior
Palmeiras campeão da Libertadores 2020.
Próximo Post
EUROPA: Oitavas da Champions e também a Europe League.

Sem Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.